photo tumblr_msm7ioi2kQ1qffd6zo1_500118_zpsf4ecef96.png
quando a tristeza decide ficar.

O Sandman esqueceu-se de mim !

Mais uma vez são cinco horas da noite, mais um pouco e o sol começa a nascer e os pássaros começam a fazer um barulho agradável à minha janela, e eu ?
Estou acordada, mais acordada que uma chávena de café acabada de fazer ás oito horas da manhã. 
Está frio, mesmo estando coberta de mantas, sinto-me como uma árvore no outono, nua; gelada e sozinha.
Não sei o que me tira o sono, se será apenas aborrecimento ou demasiados pensamentos a cruzarem-se na minha cabeça de uma só vez, como aquelas folhas de matemática que têm quadradinhos ! 
Mas se calhar são saudades, ás vezes gosto de pensar que, mesmo não sabendo do quê, são as saudades que me mantêm acordada. 
São saudades desconhecidas mas que são suficientes para manterem os meus olhos de avelã bem abertos sem um bocejar de sono. 

Uma chávena quentinha de Boa Noite para quem ainda anda a vaguear a estas horas e uma tigela cheia de Bom Dia para quem vai acordar daqui a pouco. 

mais Parov !

If I had you
I could show the world how to smile
I could be glad all of the while
I could turn the grey skies to blue.
If I had you
I could leave my old days behind
Leave all my pals and nevermind
There is nothing I couldn't do.
If I had you
I could climb a snow-capped-mountain
Sail the mighty ocean wide
I could cross a burning desert.
If I had you by my side
I could be a queen dear on ground
Humble or poor
Rich or renown
There is nothing I couldn't do
If I had you.


Parov Stelar

Gatos

Gatos, a melhor companhia para corações solitários.
(a minha Shiva)

Hurt

Love is killing me so sweet,
Like a tortured and a need for my way back home.
Hurt me when I'm close to you,
Tell me lies and not the truth, carve your arms in my skin

Love destroy my chroming soul,
See the gas sheeps of the chrome to another world.
Hurt me when I'm close to you,
Tell me lies and not the truth, carve your arms in my skin



Parov Stelar
(e eu pergunto-me porque é que só hoje encontrei isto)

Live and Die

All it'll take is just one moment and
You can say goodbye to how we had it planned
Fear like a habit, run like a rabbit out and away
Through the screen door to the unknown
And i wanna love you and more
I wanna find you and more
Can you tell that i am alive?                                    
Let me prove it.

You and i, we're the same.
Live and die, we're the same.
Hear my voice, know my name,
You and i, we're the same.

                                                                                                                                                                                  The Avett Brothers

"Façam um poema baseado numa imagem"

                                                                                                  Postal Praia de Sines

É na noite que tudo acontece,
É no escuro que tudo se perde.
As luzes iluminam as ruas,
E eu lembro-me de palavras tuas.

O Mar acalma-se,
As pessoas isolam-se.
Sinto a tua falta,
Mas ninguém descobre.

A manhã está a chegar,
As ondas começam-se a agitar,
O nevoeiro a levantar,
E memórias tuas ainda estão por apagar.



Christina Ricci


É daquelas pessoas que nem sempre é bonita mas não fica feia por não ser bonita. Tem uma cara "ugly pretty", mas continua a ser das minhas actrizes favoritas, desde o The Addams Family até ao mais recente (visto por mim) Bel Ami.

Apenas

Quero-te.
Quero-te a ti e não aos outros.
Quero-te os braços. 
Quero-te as mãos. 
Quero-te a pele. 
Quero-te o corpo.
Quero-te as marcas.
Quero-te os membros. 
Quero-te o sangue.
Quero-te as veias.
Quero-te o batimento do coração. 
Quero-te o desespero da alma. 
Quero-te o sofrimento.
Quero-te a tristeza.
Quero-te a melancolia.
Quero-te as lágrimas.
Quero-te o suor.
Quero-te o tremer.
Quero-te a ansiedade.
Quero-te a excitação.
Quero-te os dias.
Quero-te as noites.
Quero-te as tardes.
Quero-te o Sol.
Quero-te a Lua.
Quero-te
a ti,
e não aos outros.
a ti.




Até

"Hey, you're only 45 minutes away. You wanna meet halfway and see the sunrise?" 

Na verdade é praticamente uma hora e pouco, mas sim, eu levo a manta e tu o café juntamente com as panquecas. 
Encontramo-nos daqui a umas horas.

                                                                                                              Elizabethtown


Dormir ou não dormir, eis a questão.

Boa noite, são 4h42 da manhã, estou sem sono. Mentira, até tenho sono mas a vontade de me levantar da cadeira é tão mínima que prefiro estar a gastar a minha vista em frente ao computador sem fazer nada. Provavelmente logo a seguir de publicar isto acabo por sair daqui e ir finalmente dormir, é sempre assim. Mas enfim, até lá fico com isto na cabeça o resto da noite.


Love of my life don't leave me,
You've stolen my love,
And now desert me,
Love of my life, can't you see?

Bring it back bring it back,
Don't take it away from me,
Because you don't know
What it means to me.

You will remember
When this is blown over,
And everything's all by the way,
When I grow older,
I will be there at your side,
To remind you how I still love you
I still love you

Hurry back, hurry back, don't take it away from me
Because you don't know
What it means to me
Love of my life

Acción Poética

Para quem não conhece, Acción Poética é um movimento que começou em 1996, criado por Arnaldo Alamír Pulino, no México e consiste em espalhar a poesia pelas ruas, de forma a transmitir amor e beleza através de frases poéticas escritas em paredes/muros. Este movimento expandiu-se de tal maneira só no seu país de origem (com mais de 3,500 muros escritos em Monterrey) que acabou por se espalhar também por outros países de língua latina como Espanha e o Chile (entre outros).
Uma boa maneira para transmitir mensagens optimistas, pensamentos amorosos e filosóficos.
Vou deixar-vos aqui com algumas das minhas mensagens favoritas:



-


México

-

Colombia

Colombia

Chile

(não sei de onde é, nem sei se faz parte do movimento mas apenas gostei)

México

Av. Juarez, Guadalupe


Aramberri, México


Félix U. Gómez, México

Movies: Holy Motors (2012)


Holy Motors é um filme francês de drama e fantasia de Leos Carax, que como estrelas tem Denis Lavant (Mr.Oscar), Édith Scob (Céline), Eva Mendes (Kay M.) e até a cantora Kylie Minogue (Eva Grace A.K.A Jean).
Este filme fala sobre a vida, ou melhor, sobre as vidas de Mr. Oscar. Durante um dia inteiro, este, tem como "missão" encarnar várias personagens que lhe são pedidas, seja o acordeonista, o banqueiro ou a mendiga, entre muitas outras personagens.
Na minha opinião é um filme excelente, com ideias extraordinárias, boa fotografia e uma banda sonora agradável, aconselho mesmo a verem.

Deixo aqui algumas imagens para terem uma ideia do filme: