photo tumblr_msm7ioi2kQ1qffd6zo1_500118_zpsf4ecef96.png
quando a tristeza decide ficar.

Somos ?

Somos frágeis como tinta. 
Somos veias palpitantes nos corpos de quem amamos. 
Somos os livros de bolso de pessoas antigas. 
Somos grãos de areia arrastados pelo mar. 
Somos pensamentos indiferentes. 
Somos instantes de segundos. 
Somos enganos de vozes.
Somos palavras perdidas pelas ruas.
Somos amadores de poetas.
Somos amantes de amor.
Somos...

1 comentário:

Flávia disse...

"Somos veias palpitantes nos corpos de quem amamos. " creio que apenas com este verso que me retiras-te o ar . Obrigada por teres gostado , para mim é maravilhoso ler-te .